Internacional

Mais problema: Estados Unidos ameaçam China por se negar a adotar sanções contra a Rússia

Reuters – O conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Jake Sullivan, que deve se reunir com o principal diplomata chinês Yang Jiechi em Roma na segunda-feira (14), alertou Pequim que “absolutamente” enfrentará consequências se ajudar Moscou a evitar sanções abrangentes sobre a guerra na Ucrânia.

Sullivan disse à CNN que os Estados Unidos acreditavam que a China já estava ciente de que a Rússia planejava alguma ação na Ucrânia antes da invasão, embora Pequim possa não ter entendido toda a extensão do que foi planejado.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp