Brasil

PGR cobra do governo do Rio explicações sobre o massacre no Jacarezinho

Sputnik – O procurador-geral da República, Augusto Aras, solicitou ao governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC), explicações sobre as circunstâncias da operação no Jacarezinho, que terminou com 28 mortos. 

 

A PGR também pediu esclarecimentos ao procurador-geral de Justiça do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, Luciano Mattos, assim como a outras autoridades e órgãos estaduais.

 

Também foram solicitadas informações às Polícias Civil e Militar do Rio de Janeiro, ao Tribunal de Justiça e à Defensoria Pública do estado. O prazo para envio das informações é de cinco dias úteis.

 

O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, afirmou na quinta-feira (8), horas após a operação da Polícia Civil realizada no Jacarezinho, na zona norte do Rio, que a “ação foi pautada e orientada por longo e detalhado trabalho de inteligência e investigação”.

 

A operação terminou com 28 mortos, sendo 27 civis e um policial, a mais letal da história do estado do Rio de Janeiro. A polícia disse que as vítimas eram traficantes. Moradores da região e testemunhas da ação, no entanto, afirmam que houve abusos da polícia, que teria matado inclusive pessoas desarmadas. 


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp