Internacional

Primeiro Ministro Sri Lanka anuncia demissão após invasão à residência do presidente

Rajapaksa deixou a residência oficial na sexta-feira como precaução de segurança antes da demonstração planejada para o fim de semana, disseram duas fontes do Ministério da Defesa

(Reuters) –O Primeiro Ministro do Sri Lanka Ranil Wickremesinghe está disposto a renunciar para dar lugar ao governo de todos os partidos, disse seu gabinete em declaração no sábado, depois que milhares de manifestantes invadiram a residência oficial do presidente em Colombo.

Soldados e policiais não conseguiram conter a multidão de manifestantes que exigiam a demissão do presidente Gotabaya Rajapaksa, pois a raiva pública cresce com a pior crise econômica do país em sete décadas.

Os manifestantes também forçaram a entrada dos portões de metal pesado no Ministério da Fazenda e nos escritórios do presidente na orla marítima.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp