Nordeste

Regina Sousa entrega títulos de terra em três assentamentos de Teresina

A governadora Regina Sousa entregou, nesta quarta-feira (13), títulos de terra aos assentamentos Fazenda Soares, Mundo Novo e Recanto de Santo Antônio, zona rural de Teresina. Cerca de 400 famílias são contempladas com os títulos, que proporcionarão uma nova fase na vida dos agricultores familiares.

 

Segundo Regina Sousa, até o final do ano diversos títulos serão entregues. “Não há coisa que eu faça com mais gosto do que entregar títulos de terra, porque eu já fui uma sem-terra. As pessoas acham que grandes obras são apenas em cimento, mas isso é uma grande obra, pois representa liberdade. Não tem preço, ninguém mais vai ameaçar a sua paz e ninguém poderá tomar a sua terra”, disse a governadora.

 

Os títulos de terra são entregues por todo o Piauí pelo Governo do Estado, por meio do Instituto de Terras (Interpi). “Como diz a nossa governadora, o governo só serve se for para beneficiar as pessoas que mais necessitam e os agricultores familiares do Piauí não tinham terra, precisavam disso para ter dignidade, possibilidade de desenvolvimento e a segurança de que deixarão alguma coisa para seus filhos”, pontuou o diretor do Interpi, Chico Lucas.

 

De acordo com a gestora da Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF), Patrícia Vasconceles, os títulos proporcionam autonomia às famílias. “Essa ação é fundamental para as famílias. A partir do documento, da regularização fundiária, essas famílias passam a ter autonomia para adquirir financiamentos e projetos para que a produção possa se efetivar justamente nessas áreas”, afirmou.

 

Para o presidente da Associação Mundo Novo, Frankalin da Silva, a regularização das terras muda a vida de todas as famílias do assentamento. “Moro há 19 anos na comunidade e desde então espero por esse momento, estávamos muito ansiosos. São 36 famílias agraciadas hoje com o título no nosso assentamento e vai fazer muita diferença na vida de todas elas”, contou.

 

Já para Domingos Reginaldo, tesoureiro da Associação da Fazenda Soares, o momento é de comemoração. “Estamos lutando há muitos anos por isso, até então nossas terras não tinham validade, agora podemos dizer que a terra é nossa, então é um sentimento de felicidade. Aqui trabalhamos na produção de hortaliças, verduras e legumes. As famílias vivem aqui há mais de 50 anos, portanto hoje é dia de muita comemoração”, disse.

 

Durante a solenidade de entrega dos títulos de terra, a governadora Regina Sousa ainda assinou a ordem de serviço para construção de um viveiro de mudas de caju anão precoce no assentamento Mundo Novo, com investimentos de R$340 mil, com 2 hectares e com capacidade de produção de 1 milhão de mudas por ano.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp