Maranhão

Caso Codevasf: empresa investigada tem R$ 15 milhões em contratos com prefeituras no Maranhão

No Maranhão, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) possui contratos para realização de obras em 12 municípios com a Construservice, empresa investigada pela Polícia Federal por supostos desvios de dinheiro público, por meio de fraudes em licitações.

 

Considerado o principal sócio da Construservice, o empresário Eduardo José Barros Costa segue preso na Penitenciária de Pedrinhas, em São Luís, após a Justiça Federal manter a prisão temporária durante a audiência de custódia realizada nesta quinta (21).

 

Segundo informações da própria Codevasf, os contratos com a Construservice no Maranhão são para realização de obras de pavimentação com asfalto ou bloquetes, assinados entre 2019 a 2021. Somados, os contratos chegam a R$ 15 milhões.

 

Em todos os contratos, também chama a atenção a falta de indicação do local exato onde seria realizada a obra de asfaltamento. Há somente o nome do município.

g1


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp