Maranhão

Flavio Dino vistoria obras da nova extensão da Litorânea

o governador Flávio Dino vistoriou nesta quarta-feira (30), as obras que integram o primeiro trecho do prolongamento da Avenida Litorânea. Essa etapa é a extensão inicial que vai do Rio Pimenta até a Avenida São Carlos. Serão investidos mais de R$ 25 milhões e a previsão é que esse primeiro trecho seja entregue até o final de janeiro de 2021.

“Essa é uma obra bastante extensa, portanto o trabalho se dá em etapas. Temos uma fase na Holandeses, outra na avenida São Carlos, que faz a ligação da Holandeses com a Nova Litorânea. De modo que estamos hoje concluindo uma etapa da Nova Litorânea. Vamos fazer uma liberação provisória do trânsito a partir desta quinta, dia 31, visando melhorar a mobilidade dos moradores do Olho d’Água, os que vem do Aracagy. Nas próximas semanas, concluiremos a outra etapa da Litorânea e com isso viabilizaremos a integração da Holandeses, São Carlos e a Nova Litorânea”, assegurou o governador Flávio Dino.

Para Daniel Carvalho, presidente da Agência Estadual de Mobilidade Urbana (MOB), a liberação inicial do prolongamento da Litorânea – que vai da ponte do Rio Pimenta até a ponte do Rio Claro – trará melhorias na mobilidade, fornecendo mais vias de acesso para moradores do Olho d’Água, Aracagy e bairros vizinhos.

“Vamos continuar trabalhando, fazendo outras etapas, com obras em outros trechos da Litorânea, da Holandeses. Mas o mais importante é a garantia de que na finalização de 2020 e início de 2021 estamos fazendo a entrega dessa importante obra, decisiva para a melhoria na mobilidade urbana de vários bairros”, pontuou o governador.

A previsão é a de que sejam implantadas novas linhas de ônibus beneficiado bairros como Vila Luizão, Araçagy, bairros vizinhos, que poderão ter acesso expresso, saindo pela avenida São Carlos, passando pela Nova Litorânea. “Garantiremos assim que as pessoas cheguem ao São Francisco, ao Centro com muito mais velocidade, de modo que os benefícios são amplos para quem anda de carro, de ônibus, além de claro, ser um novo trecho de lazer e convivência comunitária para população de São Luís e para quem visita a nossa capital”, finalizou Dino.

*Secom


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você