Política

PT dá até sexta-feira para PSB retirar candidatura de Molon ao Senado

Agenda do Poder – Em reunião na manhã desta quarta-feira, 27, a Executiva Nacional do PT deu prazo até a próxima sexta-feira, dia em que está marcada a Convenção Nacional do PSB,  para o partido aliado decidir se mantém o acordo no Rio e retira a candidatura de Alessandro Molon ao Senado. A proposta foi encaminhada pela presidente Gleisi Hoffmann e obteve o apoio unânime dos integrantes do colegiado.

 

Se os socialistas não recuarem no propósito de lançar candidatos aos dois cargos majoritários da chapa, a Executiva petista realizará uma nova reunião, provavelmente na quarta-feira da próxima semana, para deliberar sobre a posição final do partido no Rio, diante do conflito gerado pelo PSB

 

O recurso impetrado pelo vice-presidente Washington Quaquá já tem maioria na Executiva. Ele pede a revisão do apoio a Marcelo Freixo caso o PSB efetivamente não cumpra o acordo, retirando a candidatura de Molon em favor do petista André Ceciliano.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp