Brasil

RN e 5 estados tem falta de vacinas, mas ministro aponta ‘excesso’ de imunizantes no país

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou nesta quarta-feira (15) que o Brasil registra “excesso de vacinas”, apesar de a vacinação da segunda dose atrasada em ao menos seis estados, principalmente por falta do imunizante da AstraZeneca.

 

“Há excesso de vacina na realidade. O Brasil já distribuiu 170 milhões de doses de vacinas, 210 milhões já foram aplicadas, hoje nós já temos doses pra vacinar todos os brasileiros acima de 18 anos com a primeira dose, agora, naturalmente, há um anseio de avançar, por exemplo, nessa dose de reforço, ou terceira dose, naqueles indivíduos que são mais vulneráveis”, disse o ministro.

 

Queiroga esteve Aeroporto Internacional de Guarulhos para entrega de novo lote de vacinas da Pfizer que serão enviadas aos estados.

 

Os estados de São Paulo, Bahia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Espírito Santo e Rio Grande do Norte enfrentam problemas para completar a vacinação da população contra a Covid-19.


Os comentários a seguir são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Recomendamos pra você


Receba Notícias no WhatsApp